Rondônia – Funcionário denuncia uso de maquinário do DER em obra particular

Nélio Dias Rezende, que se diz perseguido pelo titular da pasta, é conhecido por denunciar as irregularidades que ocorrem na secretaria; ele alega que tem sofrido retaliações toda vez que se manifesta


O jornalista e bacharel em direito Nélio Dias Rezende, 54, atualmente lotado na 13ª RR de Porto Velho, vinculada ao DER (Departamento de Estradas de Rodagem do Estado de Rondônia), é figura carimbada nos noticiários. Sem temer represálias, vai à imprensa denunciar o que avalia como desmando da administração pública todas as vezes que enxerga algo irregular.

Desta vez Nélio traz ao conhecimento da população uma situação mais do que grave: o departamento estaria utilizando maquinário público em obras privadas na capital. Em denúncia a ser encaminhada ao Tribunal de Contas do Estado – e também ao Ministério Público – Nélio conta que, no bairro Lagoa, foram colocados vários montes de cascalho oriundos de um caminhão pertencente ao DER/RO numa residência particular; além disso, também fora utilizada uma retro-escavadeira.

“ – Isso tudo ocorreu na Rua Mandi, nº 5769, perto de um mercadinho local. Tudo para beneficiar um funcionário CDS lotado no departamento”, denunciou Rezende.

PERSEGUIÇÃO

Nélio se entristece ao narrar sua trajetória desde que ingressou no serviço público; segundo ele, desde a primeira denuncia passou a perceber valores irrisórios comparado ao que recebia no início de sua carreira. Em outubro de 2011, seu salário girava em torno de pouco mais de R$ 3.000,00. Em janeiro deste ano, recebeu R$ 2.252,27; em fevereiro, 896,00 e, finalmente, setembro deste ano onde foram acrescidos cem reais aos oitocentos do segundo mês do ano.

O jornalista sofreu acidente de trabalho em desvio de função em junho de 2011 e está licenciado desde então; a Polícia Civil encaminhou mais uma vez para que seja realizado exame de corpo de delito definitivo para checar a situação atual.

“ – Estou amparado pelo Decreto Nº 14.838, de 30 de dezembro de 2009 que traz, em seu artigo oitavo, alíneas “f” e “g”, amparo ao meu afastamento pelo motivo de tratamento de saúde e acidente em serviço. Ainda há o parágrafo primeiro que diz que nos afastamentos de que trata o artigo, a gratificação de produtividade é paga pelo valor obtido no último mês anterior ao afastamento. O Decreto foi atualizado no dia 28 de setembro deste ano”, finaliza.

APELO

Enquanto passa por intensa batalha judicial para fazer valer seus direitos, Nélio diz ter fome e necessidades diversas. Ele solicita a população do estado de Rondônia que, se possível, o ajude a enfrentar este momento de dificuldade fazendo uma doação em qualquer valor.

“ – Gostaria que as pessoas me ajudassem a passar por este momento difícil. O Governo me ignora. É como se eu não existisse. E enquanto eu travo esta batalha, conto com carinho e consideração das pessoas” – finalizou.

BRADESCO

NÉLIO DIAS REZENDE
AGÊNCIA: 1294
CONTA POUPANÇA: 4699503-1

 

Fonte: Rondoniadinamica

https://jaruweb.files.wordpress.com/2012/04/promocaomisterdog.jpg?w=630&h=374

Anúncios

Sobre Jaru Web - JaruWeb.com
JaruWeb - Noticias 24 horas por dia JaruWeb - Seu Canal de Notícias - Jaruonline 24 horas por dia Jaru/RO - Brasil JaruWeb - Seu Canal de Notícias - Jaruonline 24 horas por dia

Deixar um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: